Secretaria da Cultura

Programação


Conexão Cultural São Paulo

Em comemoração ao feriado de 9 de julho, o MIS promove mais uma edição do Conexão Cultural São Paulo. A partir do objetivo de integrar as pessoas com a cidade através da cultura, a quarta edição do evento, que tem como tema “São Paulo de todas as cores”, conta com uma programação variada que reúne exposições, arte urbana ao vivo, música e gastronomia. 

Confira a programação completa:
 
Exposição Colaborativa São Paulo de Todas as Cores  
12h às 22h | Foyer Auditório  
Como Colorir a Cidade de São Paulo? Esse é o tema da exposição colaborativa São Paulo de Todas as Cores, que o MIS o Conexão Cultural e o Catraca Livre apresentam na 4a edição do Conexão Cultural São Paulo. 
 
Palestras 
16h às 18h | auditório
Apresentação ao vivo do programa Empreendedores Criativos, patrocinado pelo banco Santander - um programa único, que reúne empreendedores criativos que buscam inovação, novas referências e ferramentas adequadas ao desenvolvimento de negócios criativos. Serão 7 palestras de 10 minutos cada –  com:
 
Abertura 15h – Leonardo Brant e Piatã Stoklos – Sobre o Programa
16:15 – Minom Pinho – Financiamento na área cultural
16:30–Antonio Lombardi – Sustentabilidade + Criatividade
16:45 – Tatiana Ivanovici – Inovando e criando uma ponte entre empresas e a classe C/D
17:00 – Dorly Neto da Benfeitoria – Modelo de Negócio via crowdfunding
17:15 – Checho Gonzales – Inovação e Criatividade na área da gastronomia
17:30 – Rafaela Cappai – Como conciliar ser artista e ser empreendedora?
17:45 – Daniela Arrais -  Instamission  - StartUp de sucesso na rede social Instagram 
 
Espaço OPPA
12h às 22h | Nicho (térreo)
As mudanças que estão acontecendo na cidade. Através das pessoas e da arte, principalmente o graffiti, São Paulo vem ganhando cores muito especiais em suas ruas e avenidas. E foi inspirada nessa transformação que a Oppa criou uma ação interativa para o Conexão Cultural. Partindo da ideia de que são as pessoas que dão cores à cidade, convidamos o publico a “brincar” de colorir a cidade, descobrindo as cores escondidas por trás do famoso cinza paulistano.
Somos Todos Sampa 
Projeção às 19h – interação das 14h as 18h
Intervenção visual organizada pelo Coletivo RUA
 
13 Pompons
12h às 18h | área externa
Em meio ao cinza dos arranha-céus de São Paulo, surgem pontos coloridos em árvores e postes - não é pichação, grafite ou anúncio. Na verdade, são postes e árvores "vestidos" com peças de tricô. A ideia de colorir a cidade é de Letícia Matos, que se inspirarou em uma tendência que já foi moda em outros países.
 
Impressões da terra
13h às 22h | área interna (visitação até 14.07)
Em 2009, em Genebra, iniciou-se um projeto de experimentação do ato fílmico com câmeras digitais compactas. Na bolsa, havia sempre três câmeras, estas eram fixadas em carros, bicicletas, pés, suportes de madeira, gruas, braços mecânicos, e assim, uma nova cidade aparecia. Hoje, os experimentos chegaram até São Paulo, transformando ruas, carros, grades, em planos e perspectivas distorcidas por meio de vídeos.
 
Chorinho e Samba
12h30 às 14h00 | área externa
Tradicional grupo de samba e choro de São Paulo
 
Mustaches e os Apaches
18h00 | área externa
Devido ao trabalho paralelo de seus membros nas artes visuais e circo, a banda foi fortemente influenciada por estas linguagens para criar seu miss-en-scène. Sua escolha de tocar com instrumentos acústicos, inspirado pelas jug bands, facilitou a sua escolha inicial de tocar nas ruas de São Paulo.
 
Tata Aeroplano
20h | Auditório
Tatá Aeroplano fará o show do seu mais recente trabalho, o seu disco solo intitulado Tatá Aeroplano. O show conta com participação de Bárbara Eugênia, que gravou a faixa Uma Janela Aberta, e de Leo Cavalcanti, que compôs junto com Tatá Aeroplano e participou cantando de Sartriana. O show é acompanhado pelos músicos Bruno Buarque na bateria, DJ Marco no samplers, Junior Boca na guitarra e Dustan Gallas no baixo. 
ingresso: R$ 6 (inteira), R$ 3 (meia)
 
Arte ao Vivo 
12h às 18h | área externa
O público poderá assistir à criação de um painel pelo artista Fabio Biofa, que une seu traço pessoal à linguagem do graffiti.
 
Gastronomia
Para completar a programação do Conexão Cultural São Paulo, não poderia faltar a parte gastronômica, sempre com renomados chefs preparando pratos que traduzem a diversidade paulistana. Nesta edição, o público conta com o pastel do Kyoto; pão de queijo com pernil feito pelo chef Thiago Cerqueira Lima, do restaurante La Maison Est Tombée; incríveis massas artesanais feitas pelo chef Rolando “Massinha” Vanucci;  ceviches e arepas do restaurante Suri; e deliciosos cupcakes e brigadeiros feitos pela chef Carole Crema, do La vie en douce. 
 

Realização

  • Museu da Imagem e do Som
  •  
  • Museu da Imagem e do Som