Secretaria da Cultura

Programação


#CineCiência | Agosto

Há racismo na ciência? Para enfrentar esta questão delicada o #CineCiência de agosto traz o filme "Estrelas além do tempo", seguido de debate com Fernanda Alcantara, editora da Revista Raça, e Carlos Machado, autor do livro "Gênios da Humanidade: ciência e tecnologia africana".

Estrelas além do tempo

1961. Em plena Guerra Fria, Estados Unidos e União Soviética disputam a supremacia na corrida espacial ao mesmo tempo em que a sociedade norte-americana lida com uma profunda cisão racial, entre brancos e negros. Tal situação é refletida também na NASA, onde um grupo de funcionárias negras é obrigada a trabalhar a parte. É lá que estão Katherine Johnson (Taraji P. Henson), Dorothy Vaughn (Octavia Spencer) e Mary Jackson (Janelle Monáe), grandes amigas que, além de provar sua competência dia após dia, precisam lidar com o preconceito arraigado para que consigam ascender na hierarquia da NASA.

Debatedores
Fernanda Alcântara é editora-chefe da Revista Raça Brasil, atuando em seu corpo editorial desde 2013. Sua participação e defesa de grupos reconhecidos como minoria vem desde criança, com base em toda a experiência que adquiriu de seu pai, o também ativista Maurício Pestana. Anteriormente trabalhou no Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades (CEERT), ONG voltada à questão racial e participou de diversas palestras, eventos e cursos com este enfoque durante sua participação na instituição. Deste conhecimento entre as relações raciais no Brasil nasceu este ímpeto de tentar unir diferentes frentes voltadas para a inclusão de minorias dentro da iniciativa privada.
Carlos Eduardo Dias Machado possui graduação (2003) e licenciatura (2004) e mestrado em História Social (2009) pela Universidade de São Paulo e teve como orientador o professor doutor Dario Horacio Gutiérrez Gallardo do DH- FFLCH-USP. O tema da dissertação de mestrado foi: População negra e escolarização na cidade de São Paulo nas décadas de 1920 e 1930. É alumni da International Fellowships Program (Fundação Ford) foi consultor da Editora Moderna na área de história da África e dos afrobrasileiros. Atua na área de ensino desde 1999 e trabalhou em instituições como Bradesco, Bank Boston (atual Banco Itaú), Projeto Travessia e nas Secretarias Municipal e de Estado da Educação de São Paulo. Foi arte-educador do Projeto Pra Ler no Museu da Língua Portuguesa (mantido pela Poiesis - Organização Social da Cultura), escritor de livro de divulgação científica, palestrante na Fundação Roberto Marinho (Projeto A Cor da Cultura), Fundação Cultural Palmares (Ministério da Cultura), e Instituto Federal do Pará, Bahia e UFSCar, professor em cursos de extensão universitária para diretoras, coordenadoras pedagógicas e professoras de educação infantil e fundamental e Médio na CML Educacional, SME-PMSP e na Secretaria de Educação de Guarulhos e na Universidade São Judas. Tem experiência na área de História, atuando principalmente nos seguintes temas: branquidade, políticas públicas, negros; relações raciais; negros na ciência, tecnologia e inovação, ações afirmativas, diáspora africana, ações afirmativas e história da África.

Mediação: José Luiz Goldfarb (coordenador da #REDEMIS)

Siga o MIS nas redes sociais

Museu da Imagem e do Som

Av. Europa, 158, Jd. Europa

São Paulo - SP, Brasil

CEP 01449-000

11 2117 4777

Realização