handstalk, o conteúdo é acessivel com Vlibras!
Cidadão SP
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp

Archipelago

A convite do fotógrafo e editor, Roberto Linsker, 20 artistas criaram obras baseadas em suas emoções e experiências vividas no primeiro período da quarentena imposta pela pandemia.

As obras da exposição também fazem parte do livro de mesmo nome, publicado em 2021 pela Terra Virgem Edições, com lançamento oficial na abertura da mostra. O título “Archipelago” traduz os reflexos da pandemia, em especial o isolamento social.

Os reflexos da pandemia motivaram a criação de “Archipelago” como uma forma de transpor o isolamento, uma estratégia de sobrevivência. Além disso, o projeto também dialoga com outras situações preocupantes que junto à disseminação da Covid-19 têm causado enorme prejuízo à sociedade brasileira.

O projeto foi desenvolvido a distância e contou com a coordenação e produção de Jô Bertolli e projeto gráfico de Ciro Girard. Os artistas convidados são: Alex Flemming, Ana Augusta Rocha, Bernardo Ceccantini, Bob Wolfenson, Cássio Vasconcellos, Cris Bierrenbach, Cristiano Mascaro, Edu Simões, Fausto Chermont, Gal Oppido, Guto Lacaz, João Castilho, Julio Bittencourt, Luiz Baltar, Marcelo Macca, Maureen Bisilliat, Rochelle Costi, Stephan Doitschinoff, Valdir Cruz, além do próprio Roberto Linsker.

O projeto

Para conceber “Archipelago”, Linsker pediu que cada artista utilizasse uma folha de papel para “assentar os pensares e pesares vividos em suas ilhas solitárias”. As folhas tinham medidas específicas: 64 x 94 cm, tamanho que entra na bitola da gráfica durante a impressão.

Em formato de livro-caixa, “Archipelago” permite que as obras possam ser vistas de forma aleatória, isoladamente. Surpreende pela variedade, com livretos, grandes folhas de papel de diferentes gramaturas dobradas ou refiladas em formatos variados, fotografias, contos, registros e abstrações.

 Segundo Linsker: “na exposição ao circular entre essas ilhas, o visitante estará dando continuidade a um diálogo intenso e necessário que se iniciou há quase dois anos – nos primórdios desta pandemia que se alonga, se alarga, se entranha e insiste em permanecer”.

Em 16/02 o livro estará à venda por um preço especial. Depois, o título retorna ao valor original e estará disponível na loja do MIS.

Galeria de Fotos